Resolvido, já não temos bacalhau!

Dezembro 7
No comments yet

Olá, olá! Resolvido, já não temos bacalhau! Nunca pensei que um pormenor tão simples como o cheiro da árvore de Natal nos causasse tanto transtorno. De fato ter uma árvore a cheirar a bacalhau (quem não conhece a história pode ler aqui), inundando toda a casa com um odor nauseabundo, é insuportável. Ainda por cima em minha casa, eu sou uma esquisitona com cheiros e qualquer coisinha começo logo com vómitos, acreditem “viver dentro de um bacalhau” foi uma terapia de choque!

O meu marido viu o desespero estampado na minha cara por não estar a conseguir resolver o problema. Foi aí, julgo eu, que decidiu fazer-me uma surpresa. Apanhou-me fora de casa (ontem à noite fui ao evento da Furla, já vos conto), tirou de lá a árvore, foi com elas ao supermercado e conseguiu trocar por outra nova. Arejou, arejou, arejou e coisa voltou ao normal. Quando cheguei a casa já não cheirava a bacalhau, encontrei o cheirinho bom da minha casa. Adorei a surpresa, não podia ter sido melhor!

Fizemos rewind, voltamos a pôr música de natal, a tirar as decorações das caixas, a recolocar a estrela no topo e, ontem, finalmente, conseguimos fazer a nossa árvore de Natal! (sem odores extras ;))

A Xika (a gata) já está mais calma, ainda estranha a árvore e tenta roubar enfeites. Pelo menos já não fica a olhar para ela com ar de quem a vai comer a qualquer instante.

Aproveito para vos agradecer as sugestões. Foram ótimas. Com especial destaque para a da Andreia Mota (sugeriu que eu fosse cozer a árvore com batatas :)). Enfim, episódio terminado.

Beijinhos, obrigada! Até já,
Mónica

Nota – Já leu algum destes posts?

7 Passos para um Natal Low Cost

RECEITA PARA ALARGAR SAPATOS APERTADOS

Detox depois dos excessos de Natal

Penteados para cada formato de cara

Penteados para dias de tempestade

feliz-natal

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Resolva esta operação (para sabermos que é humano) *