A importância dos momentos a dois

Setembro 28
No comments yet

Olá, olá! A importância dos momentos a dois. Quando casamos os momentos são sempre a dois, apesar dos ajustes dos primeiros tempos, é tudo novidade, é um período de namoro e muita paixão. Depois chegam os filhos e aí começam os problemas, as noites mal dormidas, a correria entre escolas, trabalho e todas as outras actividades que tão bem conhecemos. E quando chega o final do dia e estamos sozinhas com os nossos queridos, só nos apetece é silencio e descansar. Certo?!

Então e os momentos a dois, o namoro, a cumplicidade, onde fica com tudo isto?! Sem querer, muitas vezes esses momentos vão desaparecendo e quando damos por isso já não nos lembramos da ultima vez que estivemos sozinhas com o nosso marido, de como adoramos passear de mãos dadas com ele, o quanto nos divertimos juntos… E como é obvio tudo isso acaba por afectar as relações, perdem-se as conversas, a partilha, as gargalhadas, as mãos dadas, o desejo e a cumplicidade.

Confesso que durante alguns anos me custou muito conseguir dar este passo de me afastar das minhas filhas por alguns dias (nem que fossem só dois). Não queria ir, sentia-me culpada, cheia de saudades delas e sem perceber o mal que estava a fazer.

Mas mais ou menos há dois anos (mais vale tarde do que nunca) decidi que não ia continuar a fazer o mesmo erro. Conversámos e decidimos que pelo menos uma vez de quinze em quinze dias íamos fazer um programa só os dois (tentamos uma vez por semana, mas nem sempre dá), nem que fosse irmos ver o mar, jantar fora, passear no paredão, ir ao cinema, qualquer coisa, mas só os dois! E que para além disso pelo menos, mês sim mês não, passávamos um fim-de-semana fora. É verdade que nem sempre conseguimos cumprir, mas tentamos e já conseguimos várias vezes! E sabe sempre tão bem podermos estar juntos e conversar sem sermos interrompidos dez mil vezes com “mãe, mãe, mãe!”.

Por isso meninas, não se deixem dormir e continuem a namorar com os vossos amores! ❤️ Deixarmos os dias passarem sem alimentarmos a nossa relação é mais fácil do que parece e por vezes quando nos apercebemos, pode ser tarde demais. E chateiem-nos para que também contribuam para o vosso namoro! 😉

Como dizia no outro dia um colega de trabalho (mais velho), “Alimentem o vosso casamento porque quando os filhos crescem e saem de casa, se não forem alimentando a relação, vão-se sentir uns estranhos com a pessoa com quem vivem!”. E acredito que ele tenha toda a razão!

Claro que ainda me custa deixar as minhas filhas, pois continuo a ficar com o coração apertado e uma lágrima ao canto do olho. Mas depois lembro-me do bom e importante que são estes momentos, por isso calo-me, aguento até ao caminho e já sei que nessa altura tudo passa e começo a sentir-me novamente uma adolescente apaixonada que vai para fora namorar 😉

Este fim-de-semana é só nosso e o sentimento é de excitação e ao mesmo tempo de aperto no coração (bipolar, portanto). Vou ter saudades das miúdas, mas sei que vou voltar com o coração cheio e um sorriso no rosto.

Por isso minhas queridas, lembrem-se sempre de vocês e do vosso relacionamento. Não o deixem para segundo plano, cultivem o vosso amor e alimentem a vossa relação sempre!

Beijinhos,
Mónica

Se quiserem cuscar o que andamos a fazer, é só espreitarem o Instagram 🙂

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Resolva esta operação (para sabermos que é humano) *