Adultério é justificação para violência doméstica?!

Outubro 23
No comments yet

Olá, olá! Adultério é justificação para violência doméstica?! Depois de ler as frases presentes no acórdão da relação do Porto, sobre um caso de violência doméstica supostamente justificado pelo adultério da mulher, fiquei na dúvida se vivo mesmo no século XXI, num país da União Europeia, ou se vivo no século XV ou num país controlado pelo Daesh!

Esta é uma das frases iluminadas: “O adultério da mulher é um gravíssimo atentado à honra e dignidade do homem. Sociedades existem em que a mulher adúltera é alvo de lapidação até à morte. Na Bíblia, podemos ler que a mulher adúltera deve ser punida com a morte”.

Este tipo de pensamento machista e retrogrado está na mesma linha, na minha opinião, de alguém que considera uma violação justificável porque a mulher está a usar uma roupa provocante. É triste viver numa sociedade assim. Onde a mulher continua visivelmente a ter menos direitos do que os homens! Com leias a serem aplicadas de maneira diferente por se tratar de uma mulher ou de um homem.

Adultério

E ainda há quem pergunte se é preciso lutarmos pelos nossos direitos? Empunhando a premissa de que vivemos já em igualdade. Infelizmente, como podem ver, não. Não temos os mesmos direitos! Não, não vivemos em igualdade! Enquanto existirem cabecinhas mentecaptas, que ainda vivem no período Neandertal e que continuam a justificar a violência (seja física ou psicológica) sobre as mulheres, então é porque precisamos de continuar a lutar!

Como mulher e mãe de duas meninas sinto-me ofendida com este cenário! Sinto-me ofendida e com medo de viver numa sociedade que tem um juiz a pensar desta forma e a julgar com base num moralismo machista e criminoso! Sim, vossa excelência senhor juiz, sabe que a violência doméstica é crime seja cometida por um homem ou por uma mulher?! Ou só é crime para uns e para outros (homens) depende da razão?

Minhas queridas leitoras, não nos podemos calar e continuar a assistir de bancada a este tipo de situações. Temos de mostrar ao mundo a nossa força e que não aceitamos viver numa sociedade cobarde, machista e criminosa!

Infelizmente temos de continuar a combater para conseguirmos ser olhadas da mesma forma e com os mesmos direitos. E ainda vêm gozar com o Dia Mundial da Mulher, que já não se justifica. 🙁 Era bom que já não se justificasse. Mas não é o caso.

E para os que não concordam ponham a mão na consciência. Olhem para a sociedade com os olhos bem abertos, sem verem só o que vos dá jeito e digam lá com verdade se tristemente temos ou não ainda um grande caminho a percorrer.

Beijinhos, até breve,
Mónica

Fonte

 

 

Para quem ainda não me segue no Instagram fica aqui o link

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Resolva esta operação (para sabermos que é humano) *