D4rkframe, o maior youtuber português

Janeiro 15
No comments yet

Olá, olá!
Para quem tem estado atento, surgiu um novo fenómeno de audiências que tem captado a atenção dos mais novos, em particular, mas não só. Os chamados top youtubers nacionais muito têm dado que falar. Mas atenção que nem todos são iguais. Há aqueles que se preocupam com o público para o qual se dirigem e há tantos outros que apenas tentam a todo o custo ganhar maiores volumes de público.
Como sabem tenho duas filhas e tal como todas as suas amigas e amigos, fazem por seguir diferentes youtubers. Mas, em minha casa, faço por filtrar os conteúdos a que elas têm acesso. Facto que me obrigou a ver vídeos a fio, alguns de arrepiar, outros bem divertidos para a idades delas e outros onde a parvoíce é quase indescritível. Durante a minha pesquisa reparei que um dos top youtubers nacionais apresentava preocupações que não vislumbrei em quase todos os outros. Dou-vos alguns exemplos. Quando apresenta uma experiência (pois apresenta-se muitas vezes como “cientista”), usa uma sinalética a identificar que se trata de algo perigoso, alertando várias vezes para que não o repitam em casa. Sempre que usa materiais potencialmente tóxicos ou algo perigosos, explica invariavelmente que se trata de algo que não poderão replicar, ou que só poderão fazer em comunhão com os pais. Confesso que não vi todos os seus vídeos mas reparei ainda noutro pormenor relevante. O seu palavreado não inclui palavrões, não fala de drogas ou álcool e nunca surgem imagens de nudez ou coisas do género.
No entanto, não posso dizer o mesmo de tantos outros canais/ vídeos que me passaram pelos olhos. Há outros dois youtubers com uma audiência idêntica (julgo que serão os 3 maiores em Portugal) onde fervem palavrões e frases algo graves, onde sugerem às crianças e adolescentes desafios que vão totalmente contra a chamada “boa educação e bons princípios”. Claro que as minhas filhas estão proibidas de assistir aos conteúdos desses canais, como aos de tantos outros brasileiros que fazem sucesso em Portugal.
E como acredito que nem todos devem ser entendidos da mesma maneira, resolvi tentar conhecer um pouco melhor a pessoa que está por trás do canal D4rkFrame. Proporcionou-se esta entrevista que desde já agradeço ao António, nome real do maior youtuber nacional.

D4rkFrame – A Entrevista

1. António, quem é o D4rkframe?

O D4rkframe é um rapaz feliz e curioso que gosta de aprender, fazer experiências malucas e descobrir o Mundo. Há sempre coisas divertidas e interessantes para fazer com as coisas simples que nos rodeiam se as pensarmos de maneira diferente. Por exemplo, uma barata que é um bicho muito comum e que todos conhecemos torna-se num monstro se visto ao microscópio.

2. Como começou a ideia do projecto de um canal de youtube?

Criei o meu canal de youtube na altura da escola, estava numa fase em que nada era cativante o suficiente para mim então tentei criar algo meu, uma outra ocupação para além dos estudos.
Como já acompanhava vários canais de youtube, foi fácil para mim ter referências e começar já com aquele “formato” do youtube.

3. Onde vais buscar inspiração para tantos conteúdos diferentes para os teus vídeos?

Eu consumo muito conteúdo na internet e no youtube em si, esse é o principal segredo. Então o que eu costumo fazer é criar algo novo de uma ideia simples.

4. Como reages a seres um ídolo para milhares de adolescentes portugueses?

Sinto-me muito feliz porque é sinal que o que eu faço na internet faz todo o sentido e estou no caminho certo. Adoro gravar os meus vídeos e existem pessoas que os adoram ver e me consideram o seu ídolo. Só isso já é brutal! Claro que com esse “poder” vem muita responsabilidade, então cada vez mais tenho atenção à forma como me comunico com o meu público e como posso influenciar de forma positiva e educativa tantas pessoas.

Para continuar a ler a entrevista, clique aqui

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Resolva esta operação (para sabermos que é humano) *