Estou revoltada

Março 12
No comments yet

Olá, olá! Estou revoltada! Ainda estou a digerir os programas que estrearam no domingo, na televisão portuguesa e que apresentam a mulher como se fosse literalmente gado para leilão! Não vi o do agricultor porque já tinha assistido à versão americana e recusei-me.

Mas infelizmente resolvi espreitar aquela anormalidade do “Quem quer casar com o meu filhinho” e estou revoltada! Tudo aquilo é muito mau e não sei o que é pior. Um homem que não sabe arranjar uma mulher sozinho e precisa que a mãezinha esteja ali tipo polícia. Mas também quem nem se sabe alimentar, como pode conseguir arranjar uma mulher sozinho! A mãe que escolhe a mulher para o filho com base em se ela sabe cozinhar e aqui não percebi se ela estava a escolher uma mulher ou uma nova mãe/escrava. Ou as candidatas que se sujeitam a serem escolhidas tipo catálogo! 

Custa-me perceber como é possível andarmos a lutar por uma sociedade que respeitada as mulheres, que não as veja como objectos e não as defina pelas suas características físicas e em simultâneo apareçam programas que transmitam ideais completamente opostos! É triste mesmo! 

Era bom ver uma sociedade que respeita as mulheres, a começar pelas próprias!

 

Beijinhos,

Mónica

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Resolva esta operação (para sabermos que é humano) *