Há coisas nos homens que me irritam e o meu marido não é excepção, parte IV

Março 1
1 Comment

Olá, olá! Há coisas nos homens que me irritam e o meu marido não é excepção, parte IV. O que me traz aqui hoje é a minha irritação pelo presente que tanto desejo, peço e volto a pedir e nunca vou ter (pelo menos como era suposto).

Já desde o ano passado que peço ao meu querido marido aqueles fios da Omnia com uma medalha com a imagem da família, aquelas que têm o pai, a mãe e duas meninas. Normalmente o meu querido marido (estou a repetir propositadamente) ignora os pedidos de presente que lhe faço, diz que não tenho nada de estar a dizer aquilo que queria receber porque estraga a surpresa e assim não tem graça. Concluindo, apesar do bom gosto que tem, normalmente tenho de os trocar, ou porque já tenho parecido, ou não é o meu género e sei que não vou usar ou então não me serve (adora comprar tamanhos que são para a minha irmã mais nova! Deve querer que eu emagreça e não sabe como me dizer;)).

Agora que as miúdas são mais crescidas, comecei a usar um truque, mostro-lhes o que quero e elas chateiam-no tanto que ele acaba por comprar 😉 No outro dia estávamos numa ourivesaria e mostrei-lhe os ditos colares, apontei para o que gostava e tudo, só para lhe dar a dica.  E finalmente lá recebi o meu tão ambicionado colar. Fiquei super feliz até ter aberto a caixa, de facto era o fio que tinha pedido com uma medalha da família, tinha o pai, a mãe, mas em vez de duas meninas, tem dois rapazes! Buaaaahhhh Não acredito!!!

Decidi não dizer nada e ir à loja trocar e assim ninguém se apercebia do erro, ficávamos todos felizes, porque como podem calcular não vou usar uma medalha com dois rapazes e se não uso os presentes, as minhas piolhas ficam todas tristes.

Mas o meu querido marido adora perder facturas e sem esse documento não me deixam troca a “porcaria” da medalha. Ou seja, vou ficar para o resto da vida com dois rapazinhos (que não são meus filhos) pendurados no pescoço! Mas será que custa assim tanto ouvir o que uma mulher tem para dizer, estando atento até ao final, ou seja sem desligar a meio! Talvez assim se evitassem estes equívocos, não?!

Já sei que vou levar com alguns discursos moralistas de que eu sou uma má agradecida porque ele deu-me a medalha, mas não! O meu querido marido não me deu a medalha que eu pedi, deu-me outra qualquer! Mas se por acaso existir por aí alguma mãe que tenha um marido tão distraído e pitosga como o meu, que tenha dois rapazes e uma medalha com duas raparigas, acuse-se pf porque podemos combinar e trocamos 😉

Beijinhos,
Mónica

  1. Ana

    Março 2

    E porque não compra logo? 😉 assim não há enganos… E quando ele lhe oferecer alguma coisa será aí sim sempre uma surpresa 😉

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Resolva esta operação (para sabermos que é humano) *